Como vivem os mortos

p1No rádio, tocava “Oceano”, de Djavan. Maurício viajava de São Paulo a Santos, e acabava de entrar no primeiro túnel da Rodovia dos Imigrantes. Foi quando sentiu um calafrio e ouviu:

– Ai! Gosto tanto desta música!

– Tia, o que a senhora está fazendo aqui? – disse Maurício, reconhecendo a voz.

– Ué?! Estou indo para a praia! – respondeu a tia, com naturalidade.

– Mas a senhora não pode! Está morta faz uma semana![1]

 Tente acertar. De onde este texto foi extraído?

a)      (   ) De um livro de auto-ajuda;

b)      (   ) De um livro de Chico Xavier;

c)      (   ) De uma revista que trata de assuntos científicos;

d)      (   ) Da “Revista dos Espíritos”.

 

Se você assinalou a alternativa “c”, acertou!

O assunto da vida após a morte não é novidade, certo? Hoje em dia, ele é tão explorado que virou tema de novelas, filmes, jornais, conversas em bares e, por que não dizer, revistas com conteúdo “científico”? Existe um verdadeiro mutirão para tentar provar que existe algo dentro do ser humano que continua vivo quando ele morre. Aliás, isso é aceito por quase todas as pessoas, pois a maior parte das religiões, de uma maneira ou de outra, crê na existência da vida além do túmulo.

 O Que é Morrer?

  Segundo o dicionário Aurélio, “morrer” é “perder a vida; perecer”; e “perecer” é “deixar de existir; ter fim”. Curiosamente, para o Aurélio, morte é o fim da vida, é o desintegrar do corpo, o contrário da criação e da formação da vida. O interessante é que o primeiro passo nos leva ao segundo, ou seja, se a morte é o contrário da formação da vida, o certo é buscarmos na Bíblia o relato de como o homem foi formado. O que as Escrituras dizem sobre o assunto?

Está escrito que “formou o Senhor Deus o homem do PÓ DA TERRA, e soprou em suas narinas o FÔLEGO DE VIDA e o homem passou a ser ALMA VIVENTE.” Gênesis 2:7 – RA (Grifo acrescentado). Este termo “fôlego de vida” vem do original hebraico “nephesh”, que no grego é “pneuma” e significa o “sopro”, a “respiração”. Tais palavras são também, muitas vezes, traduzidas como “espírito”, tendo como principal significado “vento”. Em nenhuma dessas línguas originais o termo se refere a algo imaterial que continua vivo fora do corpo, ou que tem vida em si mesmo.

Deus formou o homem do PÓ DA TERRA (fez o corpo) e SOPROU em suas narinas o FÔLEGO DE VIDA (deu a respiração), e o homem passou a ser ALMA VIVENTE.

 

Compare as duas colunas abaixo:

1+2 = 3 ? SIM   CORPO + ESPÍRITO = ALMA VIVENTE ? SIM
2 = 3 ? NÃO   ESPÍRITO = ALMA VIVENTE ? NÃO
1 = 3 ? NÃO   CORPO = ALMA VIVENTE ? NÃO

 

p4A Bíblia diz que o homem passou a SER uma alma e não que passou a TER uma alma. Se você tem um corpo e respira, você não TEM uma alma – você É uma alma! Para que exista vida, para que você seja um ser vivente, você precisa de Deus, porque o fôlego que existe em você provém dEle.

E aí? Surpreendente? Mas não é só isso!

 

 

O Que é “Espírito”?

p2O QUE ACONTECE COM O ESPÍRITO NO MOMENTO EM QUE A PESSOA MORRE? “O pó volte à terra, de onde veio, e o espírito volte a Deus, que o deu.” Eclesiastes 12:7.

Então, você poderia pensar: “Agora sim, as coisas se encaixam! O tal ‘espírito’ que volta para Deus é a entidade que tem vida após a morte!” Neste ponto, você deve lembrar de três aspectos:

a) “Espírito (nephesh ou pneuma)” é o “fôlego de vida”;

b) O que Deus deu foi o “fôlego de vida” (Gênesis 2:7);

c) Os mortos estão inconscientes: “Os vivos sabem que hão de morrer, mas os mortos não sabem coisa nenhuma… porque a sua memória jaz no esquecimento. Amor, ódio e inveja para eles já pereceram; para sempre não têm eles parte em coisa alguma do que se faz debaixo do sol.” Eclesiastes 9:5 e 6 – RA.

Portanto, “espírito” é o mesmo que “fôlego de vida”; e não algo consciente que sobrevive fora do corpo. Deste modo, Eclesiastes 12:7 pode ser traduzido assim: “o pó volte à terra, de onde veio, e o FÔLEGO DE VIDA volte a Deus, que o deu”.

E o Que Acontece Com a Alma?

Compare Gênesis 2:16 e 17 com Ezequiel 18:4 – RA.

 

“no dia em que dela comeres, certamente morrerás.”

 

“a alma que pecar, essa morrerá.”

 

Em Gênesis, Deus diz para Adão e Eva que se eles pecassem, morreriam. Como o salário do pecado para uma pessoa é a morte (Romanos 6:23), em Ezequiel, Ele reafirma que a alma que peca, morre. Para desilusão de muitos, a Bíblia afirma que a alma é mortal. No mesmo instante em que a pessoa morre, foi a alma quem morreu. Por quê? Porque alma é a junção: CORPO + RESPIRAÇÃO, ou seja, A PRÓPRIA PESSOA. Sendo assim, todos nós somos almas viventes!

Pense comigo: Se nós realmente tivéssemos uma alma imortal ou um espírito imortal, na verdade, seríamos imortais, não é mesmo? Mas a Bíblia fala que “o único que é imortal” é Deus (1Timóteo 6:16). Pelo fato de que só Deus tem a imortalidade, dependemos dEle em tudo, “pois NELE vivemos, nos movemos e existimos”. Atos 17:28 (Grifo acrescentado). Este texto é muito sério e importante, pois deixa claro que só haverá vida eterna para quem estiver em Cristo. Mas, se dependemos de Cristo para voltarmos a ter a vida eterna, por que a maioria das pessoas pensa que já possui alma ou espírito imortais?

Em Quem Acreditar? Em Deus ou na Serpente?

 Logicamente, Satanás quer nos fazer perder a eternidade. Foi por isso que, depois que Deus disse que a humanidade se tornaria mortal ao pecar, a serpente afirmou: “Certamente não morrerão!” Gênesis 3:4. E quem tinha a razão? Paulo responde: “Portanto, da mesma forma como o pecado entrou no mundo por um homem, e pelo pecado a morte, assim também a morte veio a todos os homens, porque todos pecaram.” Romanos 5:12. Apesar da verdade divina revelada, o Diabo usa todos os seus meios para enganar quantos ele puder (Mateus 24:24; 2Coríntios 11:3). A primeira mentira, e o atual engano de Satanás é tentar fazer com que acreditemos que somos imortais, porque quem acreditar que é imortal, não sentirá a necessidade de receber a vida eterna do Salvador. Logo, sem Jesus, ninguém se salvaria.

Mas “quem tem o Filho, tem a vida; quem não tem o Filho de Deus, não tem a vida.” 1João 5:12. Você quer ser imortal? Gostaria que seus queridos também fossem imortais? Existe UMA saída: “Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna.” João 3:16. Vida eterna é só pra quem crer em Jesus e O aceitar como Senhor de sua vida (Atos 4:12; Mateus 7:21-27). E se você não conseguir acreditar, faça como o homem desesperado que procurou a Jesus, pedindo: “ajuda-me a vencer a minha incredulidade!” Marcos 9:24.

 


[1] Revista Super Interessante, Ed. Abril, 03/07, pág. 53.

 

Clique aqui para assistir aos vídeos desta série.
Se você tem dúvidas sobre este assunto, envie um e-mail para [email protected]
Se deseja conhecer mais sobre outros ensinos da Bíblia acesse a seção de cursos bíblicos

Comente