A Terra de Esperança

new-heaven-and-new-earthParece haver muita confusão sobre o assunto do céu! As pessoas têm diferentes ideias sobre como é o céu. Alguns pensam que ele é surreal ou apenas um estado de espírito. É algo fantasioso, ilusório. O homem comum não é o único confuso. Proeminentes líderes religiosos, recentemente, expressaram suas ideias à imprensa. Em 19 de agosto de 1999, o Papa João Paulo II soltou uma bomba dizendo que o céu não é um lugar físico, que o paraíso não é o que você pensa e que “Deus não é um homem velho com uma barba branca, mas um Ser Supremo com qualidades masculinas e femininas e que não há portões de pérola”. O Dr. Deepak Chopra, professor espiritual mundialmente famoso, disse: “O céu é tão real quanto o espírito, e o espírito é a única realidade… Pelo fato de esse espírito estar dentro de nós desde o começo, é impossível criar um ‘céu na terra’ simplesmente voltando-se para dentro e tornando-nos conscientes de nosso ego mais profundo”.

Por que todas essas opiniões confusas e ambíguas quando Deus tem a chave mestra para abrir nosso conhecimento do céu? A Bíblia é essa chave mestra. Não precisamos depender das teorias e opiniões do homem – temos a Bíblia, nossa única Fonte de informação segura sobre o céu. 2 Pedro 1:19 chama essa Fonte “mui firme, a palavra dos profetas, à qual bem fazeis em estar atentos, como a uma luz que alumia em lugar escuro..”. Atos 3:21 fala da “restauração de tudo”. O que Deus vai restaurar? Ele vai restaurar “todas as coisas” perdidas por Adão e Eva! Será o Paraíso no Planeta Terra, todas as coisas feitas novas! Um mundo perfeito com pessoas perfeitas!

Depois de 21 anos na China, quando Marco Pólo voltou para casa, ele tinha histórias tão incríveis para contar, que seus amigos pensaram que ele tivesse enlouquecido. Contou que viajara para uma cidade cheia de prata e ouro, que havia visto rochas pretas que queimavam (eles ainda não haviam ouvido falar do carvão); que havia visto um tecido que se recusava a pegar fogo quando jogado nas chamas (eles desconheciam o asbesto). Contou de serpentes enormes que mediam 10 passos com mandíbulas largas o suficiente para engolir um homem (ninguém jamais havia visto um crocodilo). Ele falou de nozes do tamanho da cabeça de um homem (eles nunca haviam visto cocos). As pessoas simplesmente riam dessas histórias. Anos mais tarde, quando Marco estava morrendo, um religioso ao lado de sua cama insistiu que Marco desmentisse todas as histórias que ele havia contado. Marco recusou: “É tudo verdade — cada pedaço das histórias. Na realidade, metade não foi contada”. As palavras não são adequadas para expressar as belezas da Nova Terra, tampouco da Cidade Santa. A esse respeito também: “a metade não foi contada”. 1 Coríntios 2:9 diz: “As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, e não subiram ao coração do homem, são as que Deus preparou para os que o amam”. A maioria das pessoas não lê o verso seguinte: “Mas Deus no-las revelou pelo seu Espírito”. Foi através do Santo Espírito de Deus que Seus profetas puderam compartilhar conosco algumas das belezas da Nova Terra e da Cidade Santa, a Nova Jerusalém!

A descrição dessa Cidade Santa é de tirar o fôlego! Enquanto João, o Revelador, foi exilado na pequena Ilha de Patmos, ao largo da costa da Turquia, Deus lhe mostrou Sua cidade em visão. Então, João escreveu seu testemunho ocular em Apocalipse 21:1-2: “E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido”. Poucas ilustrações apresentam tal felicidade e beleza como a de uma noiva se preparando para o dia de seu casamento!

Apocalipse 21:14, 19 continua: “E o muro da cidade tinha doze fundamentos, e neles os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro. … E os fundamentos do muro da cidade estavam adornados de toda a pedra preciosa. O primeiro fundamento era jaspe; o segundo, safira; o terceiro, calcedônia; o quarto, esmeralda”. O verso 16 especifica o tamanho impressionante da Nova Jerusalém: haverá muito espaço para toda pessoa que quiser ser cidadã. Jesus prometeu em João 14:2 que na casa de Seu Pai há de fato muitas mansões! E Ele tem preparado um lugar lá para nós. Apocalipse 21:21 diz: “E as doze portas eram doze pérolas … e a praça da cidade de ouro puro, como vidro transparente”.

Esta terra renovada, a 2ª Terra, será o Jardim do Éden restaurado. Isaías 35:1 diz: “O deserto e o lugar solitário se alegrarão disto; e o ermo exultará e florescerá como a rosa”. Neste lar prometido, a dor não pode existir. Não haverá câncer, ataques cardíacos, artrite ou febre – nenhuma doença, nenhum período de doença – para sempre! Isaías 33:24 e 35:5-6 promete: “E morador nenhum dirá: Enfermo estou… Então os olhos dos cegos serão abertos, e os ouvidos dos surdos se abrirão. Então os coxos saltarão como cervos, e a língua dos mudos cantará”. Apocalipse 21:4 ecoa esta mesma figura maravilhosa: “E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas”.

Na Nova Jerusalém, nossa contínua procura pela fonte da juventude acabará. Finalmente a encontraremos nessa cidade santa. Apocalipse 22:1-2 nos diz: “E mostrou-me o rio puro da água da vida, claro como cristal, que procedia do trono de Deus e do Cordeiro. No meio da sua praça, e de um e de outro lado do rio, estava a árvore da vida, que produz doze frutos, dando seu fruto de mês em mês; e as folhas da árvore são para a saúde das nações”. Aqui está a fonte da juventude! Gozaremos de corpos perfeitos e energia ilimitada para explorar as maravilhas ao nosso redor. 

Mas você pode se perguntar, como canalizaremos toda essa energia? O que nos manterá ocupados nesse lugar de paz e tranquilidade? Como nos ocuparemos sem males para combater, aluguel para pagar e comida para comprar? A resposta é que temos perdido tempo aqui nos ocupando com coisas insignificantes. Mas na Nova Terra, descobriremos do que nossa mente e coração são capazes! Exploraremos não apenas o universo inteiro criado, mas também vamos completar a trama de nossos sonhos não realizados. 

Os redimidos não herdarão algo que não existe. Em vez de flutuar sem rumo em algum espaço santo, eles estarão em terra firme e serão ativos! Você já deixou sua imaginação fluir e projetou mentalmente a casa dos seus sonhos? Você planeja uma enorme sala de estar, uma piscina funda e jardins exuberantes. Isaías 65:21-22 nos diz que o céu é o lugar onde podemos realmente FAZER o que só sonhamos em fazer hoje. “E edificarão casas, e as habitarão; e plantarão vinhas, e comerão o seu fruto. Não edificarão para que outros habitem; não plantarão para que outros comam. …E os meus eleitos gozarão das obras das suas mãos”. Nossas mãos, projetadas por Deus para desenvolver as visões de nossa mente, construirão e criarão livremente. Seremos capazes de produzir qualquer coisa que concebermos! E nossa energia será renovada e revigorada a cada semana ao termos um culto maravilhoso e íntima comunhão com nosso Criador. Em Isaías 66:23, Deus nos diz: “‘E será que desde uma lua nova até à outra, e desde um sábado até ao outro, virá toda a carne a adorar perante mim’, diz o SENHOR”. A celebração do sábado nos traz uma nova vida e uma nova visão nesta velha e deteriorada Terra, mas ela vai nos estimular ainda mais em meio aos esplendores do céu. Nosso sentido de comunidade e nossa experiência de louvor excederão qualquer coisa que tenhamos testemunhado aqui em baixo. As vozes subirão em harmonia, combinadas em lindos hinos. 

Um dia em breve, esta terra será o centro, a capital do universo de Deus! Em Apocalipse 21:3-4, uma voz do céu diz: “… Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus. … E verão o seu rosto” (parte final: Apocalipse 22:4). Em breve você ouvirá a voz de Jesus, mais melodiosa que qualquer música, dizendo: “Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo”. Mateus 25:34.

Pensamento do Dia

Apocalipse 21:1-4

“E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido. E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: ‘Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus. E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas.”

<embed src=’http://www.videolog.tv/ajax/codigoPlayer.php?id_video=492574&relacionados=S&default=S&lang=PT_BR&cor_fundo=000000&swf=1&width=424&height=318′ width=’424′ height=’318′ type=’application/x-shockwave-flash’ allowFullScreen=’true’ AllowScriptAccess=’always’></embed>

Comente