Câncer de Mama – como prevenir

cancer-mama-outubro-rosa

O que é o câncer de mama?

Câncer de mama é o nome dado a um grupo de tumores que resultam da multiplicação anormal das células da glândula mamária. É o tipo de câncer que causa maior número de mortes em mulheres, sendo que a idade mais frequente de diagnóstico é entre os 40 e 60 anos. Sua incidência tem aumentado nos últimos anos, mesmo entre mulheres mais jovens.

Quais são os sintomas do câncer de mama?

Em sua fase inicial, o câncer de mama pode não causar sintomas, apresentando alterações visíveis somente na mamografia. À medida que o câncer se desenvolve, pode ocorrer a formação de nódulos ou áreas mais endurecidas na mama, saída espontânea de secreção sanguinolenta do mamilo, alteração da pele da mama, que fica mais grossa ou avermelhada, aparecimento de gânglios endurecidos na axila e a retração do mamilo. Dor mamária nem sempre acompanha esses sintomas.

Qual a importância do autoexame das mamas?

O autoexame das mamas deve ser realizado mensalmente, a partir dos 20 anos de idade, uma semana após o período menstrual, palpando-se as mamas durante o banho e também na posição deitada. Caso for notada alguma alteração que não tenha correspondência na mama oposta, o médico deve ser procurado. Como o autoexame detecta apenas tumores maiores, não deve ser utilizado como única forma de detecção do câncer de mama. Sua realização é um método complementar à mamografia e ao exame clínico, servindo também como forma de autoconhecimento corporal.

Como detectar precocemente o câncer de mama?

Devido o câncer de mama não apresentar sintomas em suas fases iniciais, é necessária a realização periódica de alguns exames para diagnosticá-lo o mais precocemente possível, possibilitando assim maiores chances de cura.
A mamografia é o principal exame para diagnosticar precocemente o câncer de mama.

É feita através do Raio-X específico das mamas, que detecta alterações suspeitas de câncer ainda muito pequenas. Deve ser realizado anualmente por todas as mulheres, a partir dos 40 anos de idade. O exame clínico das mamas, por um profissional de saúde, também deve ser realizado anualmente durante a consulta de rotina, a partir dos 20 anos de idade.

Como diminuir o risco de ter um câncer de mama?

Idade avançada e um histórico familiar de câncer de mama são os principais fatores de risco para o desenvolvimento da doença, embora somente em cerca de 10% dos casos de câncer de mama ocorram uma tendência familiar.
Manter um estilo de vida saudável é o principal passo para evitar a doença. Fazer uma dieta balanceada, rica em vegetais, evitar o consumo de gorduras de origem animal, manter o controle do peso, fazer atividade física, abster-se do álcool e tabaco, bem como evitar o estresse são medidas que se mostraram eficazes para reduzir o risco de desenvolvimento do câncer.
Dr. Douglas Soltau Gomes, médico mastologista e mestre em Patologia Mamária.

 


Se você tem alguma dúvida sobre o câncer de mama,  acesse http://www1.inca.gov.br/wcm/outubro-rosa/2014/

 

 

Comente