Sete segredos para orações mais eficazes

É comum você esquecer de orar ou não saber por onde começar ou, quando se lembra, não saber qual seria a maneira mais apropriada para se dirigir a Deus? Demora um pouco para se adquirir o hábito de orar, mas vale a pena cultivá-lo, porque pode resolver e prevenir muitos problemas. Se os seus momentos de oração precisam de um incentivo, essas dicas devem ajudar.

Mantenha uma lista de oração.
Sempre que perceber que alguém ou alguma situação precisa de oração, anote em uma lista. Tenha-a sempre com você, coloque-a no seu caderno ou agenda e afixe-a em algum lugar onde com toda certeza a verá em momentos oportunos. À medida que cada oração for atendida, agradeça ao Senhor e exclua o pedido respectivo da relação.

Defina horários regulares para a oração.

Regularidade é essencial à formação de qualquer bom hábito. Breves momentos de oração durante o dia podem ser uma opção melhor que um período mais longo, porque são mais viáveis. Além do mais, quanto mais freqüentes forem suas orações, maior facilidade encontrará para criar o importante hábito de orar sobre cada decisão e submeter cada atividade à aprovação do Senhor. Veja o que funciona melhor para você e faça.

shutterstock_27727048ppTenha à mão promessas de Deus.
A Palavra contém centenas de promessas e Ele gosta que as reivindiquemos. “Pedi, e dar-se-vos-á” (Mateus 7:7) é um exemplo dessas promessas. Quando estiver lendo e estudando a Bíblia, destaque as promessas que se salientarem para você ou compile-as em uma lista.

Encontre um lugar conducente à oração.
Quando possível, fique em um lugar sossegado onde não haverá distrações. Para Deus, o importante é a posição do seu coração, não do seu corpo. Por isso, procure ficar confortável o bastante para se concentrar, mas não tanto que caia no sono.

Comece sua oração louvando e agradecendo a Deus pela Sua bondade.
“Apresentemo-nos ante a Sua face com louvores” (Salmo 95:2).

Ore de acordo com a situação.
Em alguns casos é preciso orações mais longas, mais fervorosas ou freqüentes. É sempre importante ser específico e claro.

Una os esforços.
Ore com outras pessoas sempre que possível, ou peça-lhes para orarem individualmente pela necessidade. Orar com outras pessoas pode ser constrangedor se você ainda não estiver acostumado a isso, mas logo verá que é uma prática inspiradora, que fortalece a fé e é muito eficaz.

contato.org

Comente