Oito dicas para se distanciar da ociosidade

O dicionário define ociosidade1 como “inclinação à inatividade, ou perder tempo”. Fazendo menção às viúvas jovens, em 1 Timóteo 5:13 se lê: “Aprendam a não estar ociosas, paroleiras e curiosas”.

Quão perigoso é o ócio? O que fazer para não cair nele? E se já caiu, como fazer para sair deste problema satisfatoriamente? Queiramos ou não, sempre haverá espaço durante o dia que se preste para a ociosidade, pois a Bíblia diz: “para tudo o que se quer há tempo” (Eclesiastes 3:17). A continuação daremos oito princípios para se ter em conta para não cair no ócio.

1. Ter um cronograma de atividades: Ao ter um itinerário das atividades de cada dia, com sua hora específica e propósito, não haverá espaço para o ócio.

2. Fazer exercício físico ou praticar algum esporte: Deve haver um espaço mínimo de 3 vezes por semana para a atividade física. O exercício é indispensável para a saúde de cada órgão2. Dessa maneira, a mente estará oxigenada e o corpo vigoroso para o trabalho diligente.

3. Desempenhar-se em um ofício: A Bíblia diz: “Tomou, pois, o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Édem para o lavrar e guardar” (Gênesis 2:15), o trabalho diligente não é fruto do pecado, já que se deu antes da caída do homem.

4. O trabalho diligente é uma defesa contra o ócio: Eva em desobediência e preguiça fruto do ócio, vai ao lugar onde se encontrava a árvore proibida. O senhor havia advertido dizendo: “Mas da árvore que está no meio do horto não comereis dela para que não morrais”.
A queda de Eva acontece precisamente por estar ociosa, indo ao lugar onde havia sido alertada que podia ser tentada pelo maligno que vagava pela Terra.

5. Utilizar toda a armadura de Deus trará bênçãos: “Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes” (Efésios 6:13).

6. Cingidos os vossos lombos com a verdade: Esta verdade é Jesus, João 8:32 diz que ao aceitar esta verdade seremos livres do pecado e, portanto, do ócio, já que se passará tempo com o Salvador do mundo.

7. Revestidos com a couraça de Justiça: Sermos revestidos da justiça de Crist é aceitar seus méritos na cruz do calvário e viver cada dia para agradar a Jeová.

8. E calçados os pés com a prontidão do evangelho da paz: Nosso lema deve ser o de pregar as boas novas de que há perdão. Ao sermos embaixadores de Deus nesse nobre trabalho, estaremos sempre ocupados, livres do ócio (2 coríntios 5:20).

O tempo é um dom de Deus o qual há de ser empregado com diligência e responsabilidade, a Bíblia diz “aproveitando ao máximo cada oportunidade, porque os dias são maus” (Efésios 5:16). “Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu” (Eclesiastes 3:1). Haverá momentos para a recreação e o esporte, não obstante, ainda nisso a conexão com Deus há de ser total.

 

Mg. Andres Tovar é pastor e professor da Facultad de Teología da Universidad Peruana Unión (UPeU).

Comente